Coltrane-se.

Coltrane foi considerado pela crítica especializada como o maior sax tenor do Jazz e um dos maiores jazzistas e grande compositor deste gênero de todos os tempos. Sua influência no mundo da música ultrapassa os limites do Jazz, indo desde o Rock até a Música Erudita.
No começo dos anos 50, Coltrane quase morreu de overdose em São Francisco EUA, converteu-se ao cristianismo e se recuperou das drogas. Algumas de suas melhores composições de jazz aconteceram depois de sua conversão, incluindo “A Love Supreme” (1964).
Conta-se que depois de uma apresentação extraordinária dessa composição, Coltrane disse: “Nunc dimittis”. São as palavras em latim do começo da oração de Simeão que se encontra no livro de Lucas “Agora, Senhor, podes despedir em paz o teu servo, segundo a tua palavra, porque os meu olhos já viram a tua salvação.”
Coltrane afirmou que jamais poderia tocar novamente essa composição com tamanha perfeição. Para ele, se sua vida inteira tivesse sido vivida para aqueles trinta e dois minutos de oração e louvor em forma de jazz, teria valido a pena. Ele estava pronto para morrer, como morreu 3 anos depois em 1967.
Hoje, existe uma igreja chamada “Saint John Coltrane Church” em São Francisco. Seus membros, na maioria músicos de jazz, tocam suas composições durante os cultos e a música de John Coltrane serve de inspiração e soa aos ouvidos como uma doce melodia do amor de Cristo.
John Coltrane e sua obra-prima, “A Love Supreme” mostram uma forma diferente de louvar porque o álbum é mais do que um disco de quatro temas; é sua homenagem a Deus, e segundo o próprio músico, a única vez em que conseguiu imaginar toda a música em sua cabeça e saber exatamente o que queria. Se algum disco chegou perto de ser chamado de “música sagrada” é este.
*Fiquem com a música que (e)levou o desejo de redenção desse músico magistral!
“Se você deseja uma reprodução fotográfica, não compre um Picasso. Se você deseja uma música popular, não ouça Coltrane”. Ralph Gleason, 1960
Bjinhos “Trane”
=*
Anúncios

One thought on “Coltrane-se.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s