+8760

Que você faça cada hora de 2013 valer a pena.

+8760

Conhece-te a ti mesmo.

Fiquem com as palavras do indescritível Jules Mazarin em seu “Breviário dos Políticos” nesta véspera da véspera de um feriado lindo.

“És de um temperamento colérico, demasiado tímido ou demasiado audacioso, ou então dominado por uma paixão qualquer? Quais são as falhas de teu caráter, os erros que podes reconhecer em tua maneira de te comportar, na igreja, à mesa, na conversação, em volta de uma mesa de jogo e nas diferentes atividades, em particular as quais praticam em sociedade?

Continue a ler Conhece-te a ti mesmo.

É saudade.

Amigos, amigas…

Me sinto encontrando todos vocês numa sexta-feira despretenciosa e cansada numa mesa de bar, numa conversa boa. Saudade é muito massa quando a gente pode matar, hein? Me digam aí.

Saudade de vocês. Desse nosso cantinho!

Continue a ler É saudade.

Me acostumei com você =)

Meus amigos, o post de hoje é quase uma propaganda, mas não é,  garanto! O que eu quero aqui é contar uma história simples e que me chamou atenção em quase eternos 15 minutos (no máximo).

Continue a ler Me acostumei com você =)

Por acaso você sabe com quem está falando?

A moda dos desprezíveis

Olá, tudo bem?

Pois é amigos, eu acreditava que o próximo post desse empoeirado blog seria algo mais propício para a época, mas, como ainda falta MUITO pra vida ser do jeito que a gente quer, vou despejar aqui uma última experiência “natalina”.

Um certo indivíduo, possivelmente não satisfeito com a sua própria vida, resolveu me abordar na rua e me interpelar como se toda a autoridade do mundo estivesse em seu poder. Perguntando sobre diversos assuntos, ele procurava sempre os direcionar para a minha pessoa. Lógico que as perguntas eram completamente pessoais e eu não conseguia entender onde, exatamente, a conversa iria desembocar.

Continue a ler Por acaso você sabe com quem está falando?

A Batalha do PV

O Comandante Alvinegro

Eu tenho a sombra e a luz dentro de mim.

Eu carrego no coração e na memória a dor da história.

Eu já fui fome, sede e miséria…

Eu, hoje, sou a força do que, caído, luta para ficar de pé.

Continue a ler A Batalha do PV

Auto-ajuda…

Ok, ok meus leitores, eu mereço vááárias chamadas nada delicadas por deixar todos vocês sem meus malucos pensamentos e estou aqui para receber todas as 50 chibatadas! Apesar de tal castigo, gostaria de compartilhar um pensamento com vocês, hoje…

Eu estava fuçando todas aquelas novidades que apareceram hoje no facebook quando percebi a quantidade que a maioria das publicações que eu acompanhava tinham um “quê” de auto-ajuda. Sempre citando exemplos de superação, sempre com palavras estimulantes, entre outras coisas… Então eu, que nunca morri de amores por essa corrente literária, me deparei com um sem número de conteúdo desse tipo.

Continue a ler Auto-ajuda…